Tudo que você gostaria saber sobre Enfermagem e obstetrícia

A área de enfermagem é muito ampla e possui vários ramos de atuação. Confira aqui udo que você gostaria saber sobre Enfermagem em Ginecologia e Obstetrícia.

A Enfermagem é uma das profissões que mais oferece oportunidades  após o término da graduação. Pois a área da saúde é um dos segmentos mais prósperos do mercado de trabalho, com funções que não podem ser substituídas e se tornam, a cada dia, mais essenciais e bastante procuradas.

O enfermeiro formado pode atuar na área generalista (assim como acontece com os formados em Medicina, por exemplo) ou optar por uma especialização. Sendo assim ele atuará em um nicho específico, desenvolvendo habilidades e competências que o tornem cada vez mais qualificado.

Uma dessas possibilidades é se tornar um enfermeiro obstetra, área que cresce bastante e que tem uma demanda contínua no Brasil e no mundo.
Quer saber mais sobre essa especialização e suas particularidades? Então, vem com a gente e continue a leitura.

O que Enfermagem e obstetrícia?

É um ramo da saúde que tem como foco a saúde da mulher no sentido da reprodução. Atualmente, aqui no Brasil, ela possui três formas de atuação: medicina obstétrica, obstetrícia e a enfermagem obstétrica.

A área da Obstetrícia é voltada para o estudo e o cuidado de mulheres gestantes, de mulheres que acabaram de dar à luz e de recém-nascidos, englobando o período da gestação, desde o pré-natal, parto e pós-parto.

No entanto, as áreas de atuação da enfermagem obstétrica não se resumem somente ao momento do parto e nascimento. Há também atuação nos direitos sexuais e reprodutivos, pré concepção, gestação, pré parto, parto e puerpério, cuidados e manejo do recém-nascido e do abortamento.

A enfermagem obstétrica é uma das especialidades que mais tem crescido na Enfermagem e vem chamando a atenção dos acadêmicos.

Ela busca assistir a paciente da forma mais natural possível, prestando cuidados utilizando criteriosamente os recursos tecnológicos disponíveis, evitando excessos. Dessa forma, o enfermeiro busca a promoção da humanização do parto. 

O que faz um Enfermeiro Obstetra (EO) ?

Mas afinal, o que faz e quais são as suas atribuições? 

O enfermeiro especializado em obstetrícia é responsável por oferecer uma atenção integral à mulher durante o período da preconcepção ao pré-natal, parto e pós-parto, analisando cada paciente e buscando problemas que possam afetar a ela ou a criança, pensando em tratamentos e soluções para os mesmos caso apareçam, respeitando a fisiologia do parto e o protagonismo da mulher.

A especialização da enfermagem obstétrica permite ao profissional atuar em todo o processo da gestação. Seu trabalho inclui a investigação de diagnósticos e tratamentos não só fisiológicos, mas também psicossociais em relação à procriação.

O enfermeiro obstetra trabalha sempre em parceria com o médico especializado em Obstetrícia.
Além disso, o profissional também atua na assistência pré-natal, parto e puerpério, que é a fase de pós-parto na qual a mulher experimenta as mudanças físicas e emocionais. 

Muito além do conhecimento técnico, o especialista em enfermagem obstétrica precisa ter um lado humano muito sensível. Uma vez que irá cuidar das mães em todo o processo de compreensão dessas mudanças. Atuam ainda no exame das gestantes, como, por exemplo, as contrações, e partos naturais de baixo risco.

Entre as atribuições privativas do Enfermeiro Obstetra, de acordo com a resolução COFEN nº 0477/2015 estão: 

  • Planejamento, organização, coordenação e avaliação dos serviços de assistência de enfermagem na área de obstetrícia;
  • Consulta de enfermagem obstétrica;
  • Prescrição de assistência de enfermagem obstétrica;
  • Cuidados de enfermagem de maior complexidade técnica, ligada à área de obstetrícia, e que exijam conhecimentos de base científica e capacidade de tomar decisões imediatas. 

Enfermeiro Obstetra pode realizar um parto?  

Uma dúvida muito comum é se o Enfermeiro Obstetra pode realizar um parto? 
A resposta é sim. Conforme a resolução COFEN nº 0477/2015, em seu Art.1º que aborda as atribuições do enfermeiro obstetra, diz que o mesmo pode conduzir o parto, desde que ele seja natural.

Dessa forma, ele deve estar atento a qualquer complicação e evolução para um caso de risco e caso ocorra, deve acionar imediatamente a equipe médica. 

Cabe ao enfermeiro no momento do parto, promover o bem-estar da parturiente, através de exercícios de respiração, estimular a deambulação, banho morno, massagem corporal, deixar que ela escolha a posição que lhe proporciona mais conforto, entre outras ações que façam com que a paciente se sinta bem e relaxada.  

Onde o enfermeiro obstetra pode atuar? 

Este profissional pode atuar nos setores público e privado, nos seguintes locais: 

  • Postos de Saúde 
  • Unidades Básicas de Saúde (UBS) 
  • Casas de Parto
  • Maternidades 
  • Hospitais 
  • Universidades 

Deve-se lembrar que nenhum profissional de saúde atua sozinho, sendo assim, o enfermeiro obstetra está inserido dentro de uma equipe multiprofissional, visando sempre o cuidado integral e humanizado, para que a mulher tenha uma experiência afetuosa, respeitosa e digna. 

Como é o mercado de trabalho para Enfermagem Obstetrícia?

O mercado de trabalho para área de Enfermagem no geral é muito promissor. Ainda que existam diversos enfermeiros ativos atualmente, a carência por especialização é uma realidade no setor.

Um bom exemplo disso é o levantamento feito pelo COFEN (Conselho Federal de Enfermagem), que entrevistou milhares de profissionais da área em diferentes regiões do Brasil. Uma das estatísticas obtidas pela pesquisa foi justamente o peso da falta de especialização.

Sendo assim, observamos a importância da especialização no setor da Enfermagem, o que também é muito válido para área obstétrica.

Pós-graduação Enfermagem em Ginecologia e Obstetrícia EaD

A enfermagem obstétrica, uma área de atuação do enfermeiro que se especializa na atenção à saúde da mulher e do bebê durante a gestação e o parto. Esse profissional pode atuar em diversas frentes, integrando equipes em unidades de saúde.

Seja qual for a sua escolha, tudo começa por uma escolha acertada da sua formação.
A Pós-graduação visa proporcionar, a partir de uma assistência integral, a promoção, prevenção, diagnóstico e cuidados relacionados às alterações oriundas do processo gestacional e pós-parto imediato.

Seu objetivo é desenvolver, entre os profissionais da saúde, competências e habilidades para exercer atividades em órgãos públicos e privados ligados à Saúde da Mulher, elaboração de projetos e documentos relacionados a esta área, propiciando ainda atuação numa abordagem multidisciplinar.

O curso é voltado para profissionais graduados em Enfermagem e áreas afins, que desejam atualizar e expandir seus conhecimentos.

A Faculdade Famart oferece o curso de Enfermagem em Ginecologia e Obstetrícia EaD, além disso, contamos com outras especializações exclusivas na área da saúde e voltado para enfermeiros.

E aí? Se interessou pela área? Então não deixe de conferir nossos cursos de pós-graduação, afinal se especializar é um dos primeiros passos para conhecer a área e atuar como um enfermeiro obstetra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X