Você sabe descrever sua trajetória profissional?

pessoa descrevendo a sua trajetória profissional

Descrever a própria trajetória profissional parece algo simples. Contudo, tanto profissionais com muitos anos de carreira e, principalmente, os que estão iniciando, encontram algumas dificuldades nessa ação.

Ela geralmente é necessária para elaborar um resumo no currículo, em redes profissionais como o LinkedIn e, também, na preparação para uma entrevista. Contudo, não é só por isso que ter domínio sobre a própria trajetória é importante.

Compreender a própria trajetória profissional é fundamental para a análise e planejamento da própria carreira. Ao reavaliar suas experiências e aprendizados, será possível entender como você está em relação ao mercado e aos seus objetivos profissionais.

Considerando a importância dessa ação, a seguir vamos falar sobre cada uma de suas funções e como podemos desenvolvê-las melhor. Veja a seguir!

Compreender sua trajetória profissional é importante para definir suas metas e objetivos de carreira

É natural que muitos profissionais desejam avançar na carreira para alcançar cargos mais altos, melhorar a renda e trabalhar com o que mais gosta. O movimento que surge desse desejo também faz a diferença na percepção que o mercado tem do especialista.

Afinal, se a pessoa continua se movimentando, aprendendo e se desenvolvendo na carreira, ela se torna mais desejável, principalmente para funções relevantes. Contudo, não basta desejar mudança e não fazer nada ou, tampouco, tomar atitudes aleatórias esperando resultado.

Uma carreira de sucesso precisa ser planejada e o primeiro passo para um planejamento efetivo é compreender a trajetória profissional. A razão disso é que somente ao avaliar suas experiências, formações, habilidades desenvolvidas, dentre outros aspectos da sua trajetória, será possível identificar o que falta para trazer movimento à sua carreira.

Uma pós-graduação? Um curso de língua estrangeira? Tirar carteira de motorista? O que é preciso fazer para alcançar o cargo e os benefícios oriundos dele tão desejados?

A partir da análise da sua trajetória profissional você conseguirá as respostas! Essa ação tem dois momentos: primeiro, você analisa e sistematiza a própria trajetória, realizando uma avaliação sobre as experiências mais importantes, seus pontos fortes, evolução na carreira, conquistas, dentre outros pontos-chave.

Depois, você deve realizar uma pesquisa sobre o mercado, com ênfase no seu objetivo profissional. Observe a experiência e formação requisitadas, assim como habilidades valorizadas, diferenciais buscados. Anote tudo e compare.

Assim, você conseguirá definir suas metas profissionais. Não se esqueça de tentar estabelecer um planejamento com prazos para alcançar cada meta e o objetivo final!

Resumo da trajetória profissional no currículo

Resumir a trajetória profissional é desafiador, principalmente quando se tem muita experiência. O motivo é que um resumo deve ser sucinto, objetivo, mas ao mesmo tempo não deixar de oferecer informações importantes.

Muitas vezes ele é o primeiro elemento de corte em processos seletivos, pois os recrutadores podem não ter tempo para ler com atenção todos os currículos recebidos. Portanto, quem está em busca de emprego ou deseja cultivar uma boa reputação em redes sociais profissionais, precisa desenvolver a habilidade de resumir a própria trajetória.

Nesse contexto, é interessante optar por tópicos ao invés do texto corrido, facilitando a leitura e sua própria organização dos pontos fundamentais da sua trajetória profissional. Lembre-se que não é possível falar tudo, então é preciso ser estratégico e dar ênfase aos principais resultados relevantes alcançados na sua carreira, formações e diferenciais importantes para a função.

Trajetória profissional na entrevista de emprego

Ao contrário do resumo no currículo, falar da trajetória profissional em uma entrevista de emprego exige atenção aos detalhes. Uma vez que o recrutador já acessou seu currículo, as perguntas sempre buscam avaliar com mais profundidade suas experiências.

É por isso que ter domínio sobre a sua própria trajetória profissional, a partir da análise e avaliação, é fundamental. Se você tiver desenvolvido essa habilidade, conseguirá refletir em uma entrevista o quanto suas experiências e aprendizados são relevantes.

Uma maneira de se preparar para esse tipo de situação é escrever a história da sua trajetória profissional, como se estivesse contando para alguém. Isso te fará observar quais são os detalhes fundamentais, o que foi marcante, o que te diferencia e fará com que consiga se localizar no tempo.

Alguns pontos fundamentais para analisar sua trajetória profissional

Um equívoco que muitas pessoas cometem ao analisar a própria trajetória profissional, e pode se reproduzir em uma entrevista, é desprezar experiências que não estejam diretamente ligadas à função pretendida ou, ainda, situações que não aparecem no currículo, como licenças, desemprego e afins.

Qual o problema disso? Então, embora no resumo seja fundamental ser objetivo, quando se parte para uma entrevista ou conversa em contextos profissionais, não é só a sua experiência em empresas e instituições que interessam, mas também a pessoa do profissional.

Fora isso, alguns hiatos na carreira, se não contextualizados, podem passar a impressão de comodidade ou falta de iniciativa. É preciso considerar que tudo o que você faz tem potencial para contribuir com suas habilidades profissionais. O que torna tais experiências valorizáveis ou não é o modo como você fala delas.

Por exemplo, um profissional de saúde que, em algum momento da vida, trabalhou como atendente, pode apresentar como diferencial a habilidade no trato com as pessoas, algo fundamental para a área em questão.

Os estudos, estágios obrigatórios, intercâmbios, experiências em outras áreas e até mesmo licença maternidade podem ser explorados como situações que contribuíram para o desenvolvimento de habilidades e também fazem parte da sua trajetória profissional.

Deve-se apenas tomar o cuidado de sempre tratar esses pontos transversais da sua experiência com foco em demonstrar como eles contribuem para os seus objetivos de trabalho atuais. Além disso, principalmente em um contexto de entrevista, é preciso buscar equilíbrio em falar com profundidade, mas não falar excessivamente, impedindo que uma conversa se estabeleça.

Como foi possível observar, compreender, saber como escrever e falar sobre a própria trajetória profissional é uma habilidade fundamental a ser desenvolvida. Mesmo aqueles que não estão em busca de emprego se beneficiam dessa ação, uma vez que permite uma melhor localização quanto a própria carreira, fazer planejamentos consistentes e movimentar a vida profissional!

Agora que você sabe disso, qual será o seu primeiro passo para cuidar da sua trajetória profissional? Conte para a gente nos comentários!

Inscreva-se em nosso blog

Informe o seu primeiro nome e o seu melhor e-mail para cadastrar-se em nossa newsletter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X